sábado, 27 de fevereiro de 2010

MELHOR QUE ESSA NEM DILMA ESPERAVA TÃO CEDO

Pesquisa Datafolha: Dilma sobe 5 pontos e encosta em Serra

Portal Terra

BRASÍLIA - A ministra da Casa Civil e pré-candidata do PT à Presidência da República Dilma Roussef cresceu cinco pontos percentuais e encostou no governador de São Paulo e provável rival na corrida, José Serra (PSDB). Segundo a pesquisa Datafolha, o tucano tem 32% das intenções de voto contra 28% da petista. A margem de erro é de 2 pontos percentuais para mais ou para menos. A pesquisa ouviu 2.623 pessoas com 16 anos ou mais entre os dias 24 e 25 de fevereiro. As informações são do jornal Folha de S.Paulo

.

A superioridade de Serra sobre Dilma nas intenções de voto caiu de 14 para 4 pontos percentuais, em comparação com a última pesquisa, que foi publicada em dezembro de 2009. A pesquisa indica ainda Marina Silva (PV) e Ciro Gomes (PSB) estagnados, respectivamente com 8% e 12% das intenções de voto.

Apesar do crescimento de Dilma, seria incorreto afirmar que ela e Serra estão em empate técnico. Segundo o Datafolha, para isso os dois só estariam empatados em 30% na "raríssima hipótese" de Serra estar no seu limite mínimo e sua adversária no máximo.

18:27 - 27/02/2010

PODE ATÉ SER, MAS SE COMPARADO HÁ UMA DISTÂNCIA GRANDE É VERDADE.

Não devemos confundir, assim penso.

Muitas vezes nos incomodamos com algo que nos são passados em mídias suspeitas quanto as suas sinceridades.

Li um comentário na Internet condenando o vídeo abaixo, onde quem escreveu diz que se trata de saudosismo da Globo dos anos de chumbo. Mistura-se também esse comentário, mas aproveito para tentar externar a forma que penso diferentemente e independente de também achar que o interesse da emissora seja esse mesmo. Mas também comparando com os políticos de Brasília lógico que engrandece ainda mais as ações dos nossos soldados. Penso até que essa comparação não se deveria fazer, pois são coisas diferentes. E como são diferentes! Nossos soldados não merecem comparações com esses monstros de Brasília.

Falou-se também sobre o comentário de Alexandre Garcia fazendo a comparação. Claro que a todos há indignação, menos é claro, para patifes como esses políticos de Brasília (DF). Mas nada contra Alexandre que se bem que é o ator de sempre e intérprete dos interesses de seu empregador. Assim como Garcia, existem milhares por toda nossa mídia dominadora.

Quanto à comparação sim, com a ressalva que fiz acima, mas acho que no fundo o fato foi usado como sendo mesmo saudosismo. Não fosse isso essa matéria poderia seguir outro caminho sem entrar nessa política nojenta.

As imagens da ação dos nossos soldados lá no Haiti ajudando salvar vidas realmente nos comove sentimos orgulho de podermos participar mesmo que indiretamente.

Seja como for, os militares de hoje são diferentes dos de ontem. Os mais novos nem sempre comungam com o que a mídia divulga. Principalmente quando se sente o resquício do saudosismo. Eles são parte do povo e não de uma elite privilegiada que ainda domina muitas áreas, sendo a mídia uma delas.
Não tentem mais usar as cores da farda de nossos soldados por razões outras, pois hoje somos todos muito mais bem informados que 1964. A mídia de ontem hoje encontra quem lhe faça contestações de imediato. Não estamos mais com olhos vedados seja de que lado for que vier desejar que nossa população seja dominada como naqueles tempos.
Por favor, não misturem nossos símbolos para usufruírem de bens escusos, mesmo que seja para o domínio de CONSCIÊNCIAS.

OBS: Não podemos nos esquecer que Fafá de Belém, quando cantou 0 Hino Nacional foi por razões diferentes e que esse sim sentimos saudades.



INDECISÃO LOUCA ESSA DO PSDB

AGORA NECESSITA DE MANIFESTO.


Engraçado ou interessante essa de se fazer um MANIFESTO para que seja formada a dupla Serra e Aécio.

Para dar ênfase e talvez maior valor neste manifesto Noblat coloca os nomes de figuras conhecidas, mas não tão por parte da população em geral e não me digam que tão somente as que ganham salário mínimo ou pouco mais, pois esses são maioria e que trabalham muito e que de fato são os que podem decidir uma eleição.

Mas o que fazem os “caciques” do PSDB que não tem força para dar definição do rumo do partido? Também com o “coronel do Ceará” e o presidente “capataz”, fica difícil para um partido metido a elitizado ter um rumo definido. Necessitam mesmo de manifesto para saber ou tentar fazer uma dupla que possa vencer as eleições.

O PSDB já devia estar acostumado a escolher candidatos, pois venceu 94 e 98. Escolheu e perdeu em 2002. Deve ter desaprendido a partir de 2006, quando houve a briga entre Serra e Alckmin e novamente está numa luta feroz, pode-se dizer assim neste ano de 2010, quando faltam poucos meses para as eleições.

Essa de dizer agora que a demora de Serra se decidir é estratégico, nada mais é realmente o sinal de que há algo por detrás dos seus 35% de intenções que as pesquisas apontam. Devem ter lá no partido outra pesquisa e de há muito tempo. Não é só Serra que tem medo. Há sinal ruim mesmo, acredito.

Essa de Aécio também dar demonstração de estar meio lá meio cá, está deixando o seu povo de Minas meio que chateado, pois está cansado de carregar o andor para paulista mandar.

Outro fator que deve desagradar os caciques, é que Aécio está muito playboy para os costumes de nosso povo. Playboy agrada muito aos riquinhos, mas não as classes de fato trabalhadoras.

Outro motivo que deve ter abalado e ainda continua influenciando foi o caso ARRUDÃO. Vice já acertado e que daria respaldo em votos e em vários sentidos, talvez.

Então que venha o MANIFESTO do PSDB. Mas se demorar mais... tchau, tchau traduzido do inglês como diz Paulo Henrique Amorim.

Pedro Bueno - 27/2/10.

sexta-feira, 26 de fevereiro de 2010

JÁ SE SABIA, MAS CÉSAR MAIA CONFIRMA: FHC A FAVOR DA LIBERAÇÃO DAS DROGAS.


FHC VAI FAZER GOL CONTRA!

1. FHC é um dos personagens políticos mais importantes desta eleição, queira ou não. Portanto, deve cuidar muito dos próprios passos. Agora, num estilo holandês de ver a vida, decidiu ser o âncora de um filme-documentário propondo que o consumo de drogas, com a maconha como abre alas, corra livre de constrangimento.

2. Uma questão polêmica, de questionável efetividade, dada a rede informal de micro-redistribuidodes/consumidores de droga existente.

3. Mas uma coisa não é polêmica. 85% das pessoas são contra, sendo que entre os mais pobres 94%. Se não bastasse a "populistalização" de Lula entre os mais pobres, se entrar este documentário antes das eleições, terá o efeito que o filme dele não conseguiu: abalar a população, e especialmente os mais pobres.

4. Que FHC reflita bem, que ele está no Brasil e que sua atuação no clube das personalidades mundiais acima do bem e do mal se aplica em fóruns sofisticados, mas não se aplica no Brasil, em especial por veiculação de massa. Rapidamente os momentos mais contundentes serão recortados e cairão em todas as redes de internet, com a chamada que se imagina. Em 2010, isso seria um desastre.


PRIVATIZAÇÕES PODEM VOLTAR - DEPENDE DE VOCÊ.

Comparo, sim!

Voto consciente

Comparo, sim: José Serra comandando as privatizações do governo FHC e Lula/Dilma levando a Petrobras ao topo das empresas mundiais

com 4 comentários

O exterminador do passado

Os construtores do futuro

Sobre as privatizações do FHC/Serra, copiei e colei o excelente post do Douglas Yamagata, a quem recomendo a visita diária ao seu blog.

***

Recortes da Revista Veja de 1995 e 1996, relembram o apoio do ministro Jose Serra às privatizações.

Folheando exemplares antigos da nossa “queridíssima” revista Veja, encontrei algumas matérias que denunciam todo o empenho do então Ministro do Planejamento de FHC, José Serra, às privatizações.

Abaixo, recortes das matérias (clique nas imagens para ampliar):

Data: Revista Veja do dia 03/05/1995

Data: Revista Veja do dia 14/06/1995

Data: Revista Veja do dia 19/07/1995

Data: Revista Veja do dia 10/10/1995

Data: Revista Veja do dia 07/02/1996

Data: Revista Veja do dia 29/05/1995

As imagens ilustram claramente qual é a política econômica a ser adotada, caso Serra seja presidente. Uma política de venda do patrimônio público, sem nenhum pudor.

Fontes: Revista Veja (1995-1996 vários)

Fonte: blog http://comparosim.worpress.com/


O QUE DUVIDO QUE MIRIAM VÁ COMENTAR.


Newsletter
Jornal do Commercio Brasil

:: Capa

Lucro do Banco do Brasil cresce para R$ 8,506 bilhões em 2009

Volume de ativos da instituição alcançou o montante de R$ 708,5 BILHÕES

Com forte expansão no crédito e mais agilidade operacional, o Banco do Brasil encerrou 2009 com lucro líquido recorrente de R$ 8,506 bilhões, 27,2% acima do resultado anual anterior. Ao considerar os itens não recorrentes, que somaram R$ 3,3 bilhões, o lucro contábil foi de R$ 10,148 bilhões, alta de 15,3% sobre 2008, e o maior da história da instituição. O desempenho no ano levou o BB a consolidar-se na posição de maior instituição financeira do País, com volume de ativos de R$ 708,549 bilhões, superior ao do ano anterior em 36%. Segundo o presidente do BB, Aldemir Bendini (foto), a instituição deverá no mínimo manter a participação no mercado de crédito do ano passado, quando respondeu por 20,1% do total de empréstimos concedidos. O BB estima que a carteira de crédito da instituição terá este ano expansão de 18% a 23%, já contemplando a incorporação da Nossa Caixa e de 50% do Banco Votorantim. O principal avanço deverá ocorrer nas operações destinadas às pessoas físicas (27% a 32%). Para a carteira de pessoas jurídicas, a expectativa é de aumento de 16% a 21%.

Eu: Se bem me lembro, Miriam fez severas críticas ao governo quando este desejva que houvesse baixa nas taxas cobradas pelo BB. Para isso houve até mudanças de Presidência. E agora Miriam, Sardenberg e outros?

O QUE O "SÁBIO" não fez, o analfa faz

Lula ensinou o caminho ... que permitiu FHC subir a favela

Posted: 25 Feb 2010 03:53 PM PST

Do Blog Os Amigos do Presidente Lula.



Em 03/02/2009, o Presidente Lula ao lado da capitã da PM, Pricilla, que comanda a UPP do Morro Dona Marta (Rio de Janeiro), mantém a paz na favela e evita que o tráfico volte.

O ex-presidente FHC está participando de um documentário sobre o uso e o tráfico de drogas no mundo, e resolveu visitar uma favela.

Apesar de morar em São Paulo, onde existem várias comunidades controladas pelo PCC, FHC visitou uma comunidade do Rio de Janeiro, que já começa até a ser injusto chamar de favela, porque está virando bairro, e onde as bocas de fumo foram fechadas pela presença do estado com apoio da população. É o morro Dona Marta, no Rio de Janeiro.

Um ano antes, em fevereiro do ano passado o presidente Lula visitou o Dona Marta, e, junto com o governo estadual e a prefeitura, anunciou recursos para construção de moradias, obras de infra-estrutura, segurança pública e saúde, além da inauguração de um centro profissionalizante.

Na área de habitação, foi anunciado, por exemplo, o repasse de recursos do Fundo Nacional de Habitação de Interesse Social (FNHIS), que prevê a construção de 64 moradias e melhorias em outras 265.

Também foram anunciados investimentos do Programa Nacional de Segurança com Cidadania (Pronasci), expansão do Programa Saúde da Família e inaugurado o Centro de Educação Tecnológica e Profissionalizante (Cetep) Santa Marta, que oferece cursos gratuitos de formação.

O Dona Marta, é uma das comunidades que se integraram aos programas PRONASCI e Territórios da Paz, do Ministério da Justiça, e onde foi implantado o projeto das UPPs (Unidades de Polícia Pacificadora), em sintonia com os programas federais. Os programas levam cidadania como forma de previnir a criminalidade.

FHC elogiou a revitalização do Dona Marta, e o fim da influência da criminalidade:

"Tráfico não é só problema da polícia, é um problema complexo que envolve todo mundo (...) não pode desistir.... Tem que insistir, tem de explicar. Vão dizer que tem poucas favelas ocupadas, que é impossível. Mas já são 100 mil pessoas no Rio em condições melhores, isso não é brincadeira, dá uma cidade de porte médio...

FHC não se deu conta (ou fingiu não entender) de que é por conta dos de programas federais como o PRONASCI e Territórios da Paz, e com governos estaduais e municipais que colaboram, que ele encontrou o Dona Marta livre do tráfico e da criminalidade.

Poderia ter começado a fazer isso em seus 8 anos de governo, mas foi preciso um operário nordestino chegar ao poder para ensinar o caminho.

FHC conversa com a capitã Pricilla, em 25 de fevereiro de 2010, nas gravações de um documentário

quinta-feira, 25 de fevereiro de 2010

LEITORES ESCREVEM O QUE QUEREM

Continuo gostando de leitores comentando.

Como lidar com a mídia

Conselho dado ontem pelo deputado federal Alberto Fraga (DEM-DF) ao governador interino do Distrito Federal, Wilson Lima (PR):

- Corte a verba de publicidade dos veículos de comunicação que falarem mal do seu governo.

Lima nada respondeu.

Blog do Noblat.




nome: Leandro Marks - 25/2/2010 - 13:09
Mais algumas "honestas" que roubam do trabalhador.

4 – A Folha de São Paulo tem quinze processos e deve à Previdência R$ R$ 3.740.776,10

EMPRESA FOLHA DA MANHA SA
CEI/CNPJ raiz: 60.579.703/0000-00
Total: R$ 3.740.776,10

http://www1.previdencia.gov.br/devedores/consvalor.asp?cnpj=60579703000000

5 – O Estado de São Paulo tem dois processos e deve à Previdência R$ 2.078.955,87

S/A O ESTADO DE S.PAULO
CEI/CNPJ raiz: 61.533.949/0000-00
Total: R$ 2.078.955,87

http://www1.previdencia.gov.br/devedores/consvalor.asp?cnpj=61533949000000

6 – A Editora Globo tem dois processos e deve à Previdência R$ 2.078.955,87

EDITORA GLOBO S.A.
CEI/CNPJ raiz: 04.067.191/0000-00
Total: R$ 1.776.377,29



Este comentário é ofensivo ou inapropriado?
Denuncie aqui


Apelido: A_Bem_da_Verdade - 25/2/2010 - 13:08

Este pessoal do DEM do DF precisa inovar, e não ficar a copiar o PT em tudo.

E como não pagam os direitos autorais o PT fica uma fera.

Este comentário é ofensivo ou inapropriado?
Denuncie aqui


Nome: Leandro Marks - 25/2/2010 - 13:07
Vamos ficar atentos ao próximo texto de Mirian Leitão criticando a previdência e o aumento de gastos do governo Lula.

Algumas empresas da velha mídia devedoras da Previdência Social que não olham o próprio rabo!

1 – A Infoglobo empresa das Organizações Globo tem nove processos totalizando R$ 17.664.500,51, sendo que quatro deles são de “Penhora Regular e Suficiente”:

INFOGLOBO COMUNICACOES S.A.
CEI/CNPJ raiz: 00.396.253/0000-00
Total: R$ 17.664.500,51

2 – A Editora Abril deve à Previdência R$ 1.169.560,41:

EDITORA ABRIL S.A.
CEI/CNPJ raiz: 02.183.757/0000-00
Total: R$ 1.169.560,41

http://www1.previdencia.gov.br/devedores/consvalor.asp?cnpj=02183757000000

3 – A Rádio e Televisão Bandeirantes têm sete processos totalizando R$ 2.646.664,15, sendo que três deles são de “Pedido de Penhora e/ou Reforço de Penhora”:

RADIO E TELEVISAO BANDEIRANTES LTDA
CEI/CNPJ raiz: 60.509.239/0000-00
Total: R$ 2.646.664,15

http://www1.previdencia.gov.br/devedores/consvalor.asp?cnpj=60509239000000

Sinto-me mais confortável lendo alguns comentários de leitores, principalmente do blog do Noblat. Eu há alguns meses nem tenho mais tentado dar também os meus pitacos por estar censurado...

Mas aproveitando, emendo com mais um fato que li no O Globo, Panorama Político que diz que o senador Álvaro Dias foi se queixar com o senador Heráclito Fortes, quanto à qualidade da comida servida no restaurante do Senado, pois teve que tomar um antiácido.

Aí eu que pergunto: Seria mesmo a comida ou foi a derrota fragorosa sofrida nesta semana lá no Paraná, quando perdeu por 41 a 1 para o prefeito Richa.

Pedro Bueno

25/2/10

Skype: pedro. bueno6

AINDA NÃO ESQUECEMOS DELE.

video

Jamais se poderá esquecer desse que foi um dos que se aproveitaram da igenuidade de muitos generais, quando da época da ditadura militar.
Eu sempre digo que os civís foram que de fato manobraram tudo, mas colocavam os generais como escudo.
Depois, quando o mundo todo fazia pressão contra os regimes ditatoriais, eis que a chamada "saída de banda" foi se realizando e as pedras foram em direção de quem?
ACM foi um desses civís que deixaram os generais abandonados, e quando por interesse eleitoral em 2006, proclamou alto e bom som o retorno das Forças Armadas, mas penso que hoje, diferentemente de 64, tudo mudou, inclusive a economia que tem sido um grande sustentáculo do governo Lula. A população hoje tem maiores meios de se informar e não gente que queira imitar ACM é que irá influenciá-la. O Brasil hoje é outro.

quarta-feira, 24 de fevereiro de 2010

BLOG RECOMENDÁVEL - SAMBURIQUINHAS

@-Só para constar à vontade de um torcedor tucano e proprietário de um Instituto de Pesquisa:


@-Votação do Presidente Lula/PT no primeiro turno das campanhas eleitorais: 1989: Lula 16% /// 1994: Lula 24% /// 1998: Lula 32% /// 2002: Lula 46% /// 2006: Lula 48%.

@-Pergunta da Sambu: Aécio Neves sairá do PSDB em 2011 ou embarcara na tal Chapa-Purinha tucana?

@-Extra! Extra! A TV Globo amargou sua pior audiência em telenovelas no Carnaval! Sábado de folia emplacou o pior ibope de todos os tempos de uma novela [Tempos Modernos {?}] das sete da Platinada!

@-O DEM foi melindroso na expulsão de Arruda, mas apoiou até a última gota para preservar o ex-vice-interino Paulo Octávio, não deu! O que sobrará do DEM pós-eleição? Frangalhos ou restos? Não precisa conferir, ou melhor, não importa.

@-Desculpe o abestalhamento deste blogueiro, mas não consegui entender a matéria “BOMBA” da Folha sobre a Eletronet/Zé Dirceu. Enfim...

@-Penúltima: deu no Ibope uma curva, duas curvas e um futuro
X



Quem ainda não acompanha o blog SAMBURIQUINHAS está perdendo.


ISSO AINDA VAI LONGE....!

Senador: com a renúncia e a desfiliação, o DEM está fora da crise      

Luciana Cobucci, Portal Terra

BRASÍLIA - O senador José Agripino Maia (DEM-RN) afirmou nesta terça-feira que agora o partido não tem mais envolvimento com a crise do Distrito Federal e que, para o Democratas, o assunto está resolvido com a renúncia ao cargo de governador do DF e a desfiliação de Paulo Octávio da legenda.
O governador interino do Distrito Federal, Paulo Octávio, renunciou ao cargo nesta terça-feira, alegando "falta de apoio político". A leitura da carta da renúncia ocorreu no mesmo dia em que o político pediu desfiliação do DEM, partido que o vice-governador disse ter ajudado a fundar no Distrito Federal. O presidente da Câmara Legislativa, Wilson Lima (PR), assumirá o governo.
"Essa é a última etapa do trabalho que o Democratas fez para mostrar ao Brasil que a crise é do governo do DF, e não do DEM. O partido tirou de seus quadros um governo mazelado que lamentavelmente foi eleito pelo DEM", afirmou.
Paulo Octávio chegou perto de renunciar na quinta-feira passada, reclamando da falta de apoio para comandar o governo, mas recuou no último momento, alegando estar atendendo a vários apelos que teria recebido de parlamentares, autoridades e da população.
Ele chegou a dizer que o presidente Luiz Inácio Lula da Silva também havia feito um pedido para que continuasse, informação que foi desmentida pela Palácio do Planalto e pela própria assessoria do governo, ao dizer que o governador em exercício teria se confundido ao falar de improviso.
Entenda o caso
O mensalão do governo do DF, cujos vídeos foram divulgados no final do ano passado, é resultado das investigações da operação Caixa de Pandora, da Polícia Federal. O esquema de desvio de recursos públicos envolvia empresas de tecnologia para o pagamento de propina a deputados da base aliada.
O governador José Roberto Arruda aparece em um dos vídeos recebendo maços de dinheiro. As imagens foram gravadas pelo ex-secretário de Relações Institucionais, Durval Barbosa, que, na condição de réu em 37 processos, denunciou o esquema por conta da delação premiada. Em pronunciamento oficial, Arruda afirmou que os recursos recebidos durante a campanha foram "regularmente registrados e contabilizados".
As investigações da Operação Caixa de Pandora apontam indícios de que Arruda, assessores, deputados e empresários podem ter cometido os crimes de formação de quadrilha, peculato, corrupção passiva e ativa, fraude em licitação, crime eleitoral e crime tributário.

EU DIGO: Muito fácil, não é mesmo senador José Agripno? Essa história ainda vai render muitos capítulos. E como vai!
 

terça-feira, 23 de fevereiro de 2010

SÓ AGORA? E SE JÁ PROCLAMADO COMO VICE esse vídeo seria divulgado?

De certa forma foi bom eu chegar e ver esse video que me chamou muito minha atenção, que está no blog do Noblat, que agora nos propicia mais que nunca imaginar do desastre que seria se não surgisse o escândalo do DEM. 
A essas horas até Serra já teria aberto o jogo e dito que era o candidato "da redenção do País, ainda mais com um vice que sempre demonstrou ser um emérito gestor. 
Agora mais que nunca, obrigado Noblat. Se bem que... talvez para acabar de "arrepiar" a turminha que ainda possa estar no governo do DEM. 

VAMOS TAMBÉM OUVIR A OPOSIÇÃO? Ou eles não merecem?

22/02/2010 - 08h56

Oposição classifica de "mentirosa" fala de Dilma para petistas

da Folha de S.Paulo, em Brasília
da enviada especial da Folha de S.Paulo a Brasília

Líderes do PSDB e do DEM classificaram de "mentiroso" trecho do discurso da ministra Dilma Rousseff (Casa Civil) no lançamento de sua pré-candidatura a presidente, anteontem em Brasília.
Ao defender uma participação forte do Estado na economia, ela deu a entender que o governo do ex-presidente Fernando Henrique Cardoso só não privatizou Petrobras, Banco do Brasil e Caixa Econômica Federal por que não conseguiu. 'Aqui, o desastre [econômico] só não foi maior, como em outros país, porque os brasileiros resistiram a esse desmonte', afirmou ela.
O líder do PSDB no Senado, Arthur Virgílio (AM), disse que em nenhum momento o governo FHC cogitou privatizar essas empresas.
"O que ela revela com isso é a cabeça de alguém que não teria privatizado a Telebrás se fosse presidenta, e nós ainda estaríamos colocando linha de telefone no IR", afirmou.
"Como boa aluna do mestre Lula, ela usa a mentira como arma essencial para a busca de popularidade. Ignorar os efeitos anteriores é desonestidade intelectual", disse o senador Álvaro Dias (PSDB-PR).
Para, o senador José Agripino (DEM-RN), Dilma confunde um Estado que promova o bem-estar social com o Estado empreendedor.
"O que ela está querendo é passar para a sociedade que o Estado forte é saída para o país fazer a distribuição de renda. Para isso, o Estado não precisa ser empregador", disse, em referência ao crescimento de cargos públicos criados pelo governo federal.
O presidente do DEM, deputado Rodrigo Maia (RJ), afirmou que o seu partido, desde 2004, reconhece a importância da atuação do Estado "na saúde, educação e segurança e na fiscalização e regulação da economia". "O que não acontece agora, em que o governo desmonta o papel das agências reguladoras", completou.
Outro ponto atacado pelos oposicionistas foi a troca de uma palavra no discurso da ministra. No texto original estava escrito "reconstituindo o Estado", mas ela disse "reaparelhando o Estado".
Para Arthur Virgílio, foi um ato falho, que revela a preocupação do PT em inchar ainda mais a máquina pública. "Eu tenho que agradecer esse alerta do seu subconsciente. Eu espero que ela nem reconstrua o Estado velho nem aparelhe mais do que [o governo Lula] está aparelhando. Se não vão ter que aparelhar até as crianças", afirmou o tucano.
O deputado Ronaldo Caiado (DEM-GO) também não poupou críticas ao discurso da petista. "A Dilma vai derrotar o lulismo no Brasil. O povo brasileiro não admite essa tese do Estado fiscalizante, intervencionista, autoritário. O presidente Lula, vendo que não tinha espaço para aplicar essas teses, absorveu o ideia do modelo de mercado"


segunda-feira, 22 de fevereiro de 2010

MULHERES, O CAMINHO ESTÁ LIVRE...


JÁ SE SABIA...

Os que são contra tudo que o atual governo faça, mesmo que seja bom e bem reconhecido pela maioria da população, não seria diferente a oposição política e a oposição jornalística dos grandes jornalões ficarem calados.
Blogs de jornalões, como Noblat e Lúcia Hippólito, seriam partícipes do carro chefe aqui do Rio. Afinal eles têm seus adeptos e que por dever de ofício teriam que agradá-los. Cumprem o seu papel, mesmo às vezes a contra gosto. Acho que nesse caso nem tanto, mas devem ter certos sentimentos às vezes, de não desejarem escrever sobre determinados assuntos, mas os fazem por compromisso com o patrão. Afinal...

Logo após o evento do PT, que terminou neste sábado, nem sei por qual razão, vi num desses canais da Globo, se não me engano o G1, quando a apresentadora falava sobre o evento. Tive um sentimento no momento e escrevi o que se segue abaixo:

“Apenas a guisa de comentário o que ouvi dias desses, quando um amigo me disse: Bueno deve ser duro para essas profissionais de comunicação, que ao lerem determinadas noticias, sabem que são inverdades, mas por outro lado, faltam-lhes opções. De fato, agora com o lançamento da Dilma para concorrer à Presidência da República, deve doer mais ainda na alma dessas profissionais, pois é chegada a hora das mulheres desse nosso imenso Brasil saírem da submissão que a sociedade machista lhes impôs. Engraçado, tudo tem seu tempo e agora é a vez delas. Nós que não somos machistas, recebemos todas as mulheres no comando da nossa Nação”.

Deu para entender? Mas acho que muitas delas diante da mais sagrada liberdade democrática que é a cabine eleitoral, lá essas profissionais colocarão a suas verdadeiras convicções e anseios de mulher que tem sede se firmar e se libertarem desse mundo machista. Elas anseiam essa liberdade e sabem que agora está se iniciando a caminhada e estarão com DILMA, com certeza.

Pedro Bueno
22/2/10.

domingo, 21 de fevereiro de 2010

"Brasil, mostra a tua cara!": Serra e o fim da era paulista na política

"Brasil, mostra a tua cara!": Serra e o fim da era paulista na política

PÉS NO CHÃO, MAS DILMA NO CORAÇÃO.

Aécio vice de Serra? Aqui por Minas acho que não gostaremos nadinha disso, e sendo assim, nem o seu poste vai vingar. Será o maior castigo ao povo mineiro Aécio se entregar aos caciques de São Paulo. Por outro lado, na altura do campeonato Serra não poderá retroceder mais. Agora é tarde. A derrota o espera se convidar para subir ao palanque o FHC. 
                                                                                                       
O comentário acima está no blog da Lúcia, tendo em vista que novamente estão tentando colocar na parede o "governador viajante", para aceitar ser vice de Serra. Escrevo isso para ser um dos que estão preocupados com o possível "já ganhou" depois da linda festa realizada pelo PT, quando Dilma foi colocada como candidata do partido. Mas por outro lado, não consigo também me desvencilhar das grandes frases ditas por Dilma, que calou fundo no coração do mais duro homem que pensa que pudesse ser imune a frases fortes, que daqui para frente servirão como jargão.Então, que cada blogueiro do "nosso time da Dilma" no final de qualquer post lá esteja gravado uma delas. Então vai a minha: "Imprensa mentirosa e injusta, melhor que o silêncio da ditadura".

MESMO QUE MENTIROSOS MELHOR QUE O SILÊNCIO DA DITADURA. (Dilma Rousseff)



Apenas a guisa de comentário o que ouvi dias desses, quando um amigo me disse: Bueno deve ser duro para essas profissionais de comunicação, que ao lerem determinadas noticias, sabem que são inverdades, mas por outro lado, faltam-lhes opções. De fato, agora com o lançamento da Dilma para concorrer à Presidência da República, deve doer mais ainda na alma dessas profissionais, pois é chegada a hora das mulheres desse nosso imenso Brasil saírem da submissão que a sociedade machista lhes impôs. Engraçado, tudo tem seu tempo e agora é a vez delas. Nós que não somos machistas, recebemos todas as mulheres no comando da nossa Nação.